OSPF – Tipos de LSA’s (Summary LSA – Tipo 4 – ASBR)

Todos os Roteadores de uma área OSPF possuem a visão completa dos links daquela área e a partir dessa visão calculam individualmente qual o melhor caminho para determinado destino.

Para a formação da tabela dos links, chamado de LSDB, o OSPF baseia-se nos LSA’s (Link State Advertisements) para transmitir informações para os Roteadores Vizinhos. Os principais tipos de LSA’s são:

Tipo 1 – Representa um Roteador
Tipo 2 – Representa o DR
Tipo 3 – Representam os links de outra Area OSPF declarados por um ABR
Tipo 4 – Representa um ASBR (Autonomous System Border Router)
Tipo 5 – Representa uma rota externa ao domínio OSPF
Tipo 7 – Usado em áreas NSSA.

OSPF – LSA Tipo 4 (Summary LSA – ASBR)

Os LSA’s do tipo 4 são gerados pelos Roteadores ABR (Area Border Router), informando o Router ID e o custo para o Roteador ASBR fora da área.

Os Roteadores ASBR são responsáveis por redistribuir destinos externos dentro do processo OSPF, como por exemplo, RIP, Rotas estáticas, interfaces diretamente conectadas não inseridas no OSPF e etc.

  • LS Age: Tempo em segundos que o LSA foi originado.
  • Options: Identifica capacidades opcionais suportadas pelo Roteador como circuitos por demanda e etc.
  • LS Type: Representa o tipo do LSA, neste post citaremos o tipo 4
  • Link-State ID: Representa o ID do ASBR.
  • Advertising Router: identifica o Router ID do Roteador que está gerando o LSA.
  • LS Sequence Number: Identifica os novos LSAs pelo numero de seqüência. Incrementando sequencialmente entre 0x80000001 e 0x7FFFFFFF.
  • LS Checksum: Verifica o checksum no LSA
  • Length: Identifica o tamanho do LSA.
  • Network Mask: No caso do ASBR o valor da mascara será 0.0.0.0
  • metric: Métrica para o destino
  •  TOS e TOS metric: Representam o tipo de Serviço e geralmente são marcados com o valor 0

Referências

TCP/IP, Volume I 2nd Edition (Jeff Doyle, Jennifer Carroll)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *